Textos pensados

Publicado em agosto de 2016

Eu “escrevo” textos imensos no meu pensamento. Sério, não é brincadeira. Fico pensando, pensando e pensando. São frases, parágrafos inteiros. Acho que até roteiro para filme já teve. Mas quando chega a hora de colocar no papel, simplesmente travo. As palavras não saem da mesma forma. Acredito que é devido ao excesso de assuntos que acontecem ao redor.

Meus melhores textos nascem no carro ou no banho. Acredito que é quando fico mais divagando os pensamentos. E não tem tanta coisa para prestar atenção. Esse texto mesmo saiu enquanto estava no carro e aí pensei: esse tem que ir para o papel. Ah, sobre o carro, não se preocupe, eu não estava dirigindo. Quase nunca dirijo desde que vim morar em São Paulo. Só quando é realmente muito necessário.

Mas voltando, acho que preciso ter um gravador ao lado. Vai ver se eu falar em voz alta o que penso e depois só transcrever para o papel o texto flua melhor. Meu marido, com certeza, ia me achar louca se fizesse isso. Imagina, eu no carro gravando num celular os textos-pensados? Bem… ainda bem que o celular é a prova d’água!

Vamos aguardar o que vem por aí…..